terça-feira, 22 de setembro de 2009

MÁSCARA DO DESMATAMENTO

Foto: Ibama/Divulgação

Fiscais encontram máscara de pele de onça em fazenda desmatada no PA

Artefato foi feito com o rosto do felino, que é ameaçado de extinção.
Agentes do Ibama também apreenderam armas no local.

Um objeto inusitado causou espanto aos fiscais do Ibama no último fim de semana. Ao visitar uma fazenda desmatada em Novo Progresso (PA), eles encontraram uma máscara feita com o couro da face de uma onça-pintada, animal ameaçado de extinção.

Apesar de não saber se a onça foi vítima de caça, o chefe de fiscalização do Ibama de Santarém (PA), Gustavo de Podestá, afirma que manter animais silvestres ou partes deles sem autorização é crime ambiental. “Para a legislação, não importa a origem”, afirma. O objeto, assim como as armas encontradas no local, foi apreendido pelos fiscais.

A multa para quem tem animais ou objetos desse tipo é de R$ 500, mas atinge R$ 5.000 se o bicho estiver na lista oficial da fauna ameaçada de extinção, como é o caso da onça-pintada.

No mesmo local, os agentes apreenderam duas espingardas de calibre 22, que geralmente são usadas para caça. Como as pessoas da fazenda fugiram quando a fiscalização chegou, ninguém chegou a ser preso.

Nenhum comentário:

National Geographic POD