quarta-feira, 21 de outubro de 2009

PROTESTO CONTRA O ABANDONO AMBIENTAL

Índios bloqueiam passagem de embarcações de madeiras na região de Santarém

Ribeirinhos e indígenas bloqueiam a passagem de balsas com toras de madeira em um trecho do rio Arapiuns, na região de Santarém (PA). Eles protestam contra o suposto desmatamento ilegal em uma gleba de terras estaduais chamada Nova Olinda 1.

O bloqueio, que ocorre desde o dia 12, já barrou ao menos duas embarcações. Uma delas transportava cerca de 1.000 m3 de madeira.

A Nova Olinda 1 e outras quatro glebas da região estão em processo de regularização pelo governo de Ana Júlia Carepa (PT). Elas somam 1,3 milhão de hectares. Ricas em madeira e em minério, são alvo de interesses de mineradoras, madeireiros, grileiros, índios e 105 comunidades ribeirinhas.

Para o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santarém, os assentamentos criados para eles pela gestão de Ana Júlia não têm o tamanho que eles consideram correto.

As comunidades reivindicam também a criação de assentamentos e de terras indígenas na Nova Olinda, que vem sendo explorada por empresários.

O governo afirmou que os que fazem o bloqueio do rio já foram contemplados com três assentamentos. Disse também que vistorias locais não comprovaram ilegalidades.

Segundo a Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Pará, alguns empresários têm plano de manejo na área e a madeira é legalizada Mesmo assim, uma equipe vai até o local esta sexta-feira (23) para verificar as balsas.

Nenhum comentário:

National Geographic POD