quarta-feira, 14 de setembro de 2011

ARQUEOLOGIA AMAZÔNICA

Goeldi re-lança coleção sobre Arqueologia na Amazônia

O Museu Paraense Emilio Goeldi realizou no dia de setembro, durante a XV Feira Pan-Amazônica do Livro, o re-lançamento da coleção “Arqueologia Amazônica”, organizado pelas pesquisadoras da Coordenação de Ciências Humanas Edithe Pereira e Vera Guapindaia.


A coletânea é Fruto do Encontro Internacional de Arqueologia na Amazônia realizado em 2007, em Belém, e os dois volumes da obra reúnem mais de 40 trabalhos, que oferecem aos leitores um panorama atualizado com os resultados dos últimos 20 anos de pesquisa sobre a arqueologia na região. Os livros apresentam textos em português, inglês e espanhol, com estudos de pesquisadores de várias instituições nacionais e internacionais.

O primeiro volume conta com textos sobre a antiga ocupação humana nos manguezais da Amazônia, arqueologia no Amapá, cerâmica e complexidade social na antiga Amazônia, arte rupestre, arqueologia subaquática, entre outros. O segundo volume busca discutir a importância da socialização do conhecimento produzido pela Arqueologia. Para isso, são discutidos três aspectos: a cronologia e rota de ocupação, localização geográfica e implantação dos sítios arqueológicos.

Um dos desafios é compreender as mais diversas relações que se estabelecem no contato com o patrimônio arqueológico, que no caso especifico da Amazônia, passam, por exemplo, pelo comércio ilegal de peças e pelo desconhecimento absoluto dos seus indicadores.

Os autores, que também estimulam a reflexão sobre ações no âmbito da educação patrimonial, sugerem que ter uma consciência histórica não é apenas informar-se dos fatos, mas perceber o universo social como um processo ininterrupto e direcionado de formação e organização.

Nenhum comentário:

National Geographic POD