segunda-feira, 20 de julho de 2009

REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA NO PARÁ

GOVERNADORA DO PARÁ PROMETE INÍCIO DA REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA EM SÃO FÉLIX DO XINGU

São Félix do Xingu concentra o maior rebanho bovino isolado do Pará, com cerca de 1,8 milhão de cabeças de gado.

Na próxima segunda-feira (27), técnicos do Instituto de Terras do Pará (Iterpa) chegam a São Félix do Xingu, na região do Araguaia, para iniciar o levantamento de campo necessário à regularização dos imóveis rurais. O anúncio foi feito pela governadora Ana Júlia Carepa em reunião do Sindicato dos Produtores Rurais de São Félix do Xingu, com cerca de 200 pecuaristas no último sábado (17), na sede do Parque de Exposições. Ela informou também que até o final do ano São Félix do Xingu, Marabá, Eldorado do Carajás, Tucumã, Ourilândia e Água Azul do Norte terão a Guia de Trânsito Animal eletrônica.

O Ministério da Agricultura vai destinar R$ 4,5 milhões para que a Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) implante o programa na Área 1, que engloba municípios das regiões sul e sudeste, livres da febre aftosa graças à vacinação.

Até o final de 2010 todos os municípios da Área 1 farão a movimentação dos animais por meio da GTA eletrônica, que vai agilizar esse procedimento e dar transparência ao controle feito pela Adepará.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget